Meu sumiço: meu bebê

Por Melissa Bergonso

Pezinho de bebê azul

Faz aproximadamente 5 meses desde a minha última postagem, depois parei de escrever aqui no blog. Mas eu não abandonei o blog não! O motivo do meu “sumiço” é que eu dei à luz a um lindo bebê, um menino, grande graça recebida pelas mãos da Santíssima Virgem (foi este o pedido que fiz no dia da minha Consagração de Escravidão a Nossa Senhora)!! ^_^

O nome do meu filho é José Felipe. José em homenagem a São José, e Felipe em homenagem a São Filipe Néri, conhecido como “O santo da alegria” (a história dele é linda!).

Meu filho nasceu ao final de Julho, mas eu não consegui postar mais a partir de Maio porque, no fim da gestação, já estava bem difícil ficar sentada na frente do PC, a barriga pesava muito, nervos e músculos doíam e etcéteras típicos da gravidez. Depois que José Felipe nasceu eu também não tenho conseguido fazer mais nada além de cuidar dele. Mas espero que em breve eu consiga voltar com as postagens aqui no blog. Ainda estou me adaptando à rotina de mãe, horários de mamadas, choros, soninho, descanso (meu e dele), serviço da casa (que quase nunca consigo terminar ou mesmo fazer) etc., então ficar no PC se tornou um “luxo” para mim!!

Eu recebi alguns emails nestas últimas semanas, mas ainda não consegui destinar um tempo para respondê-los direitinho. Em todo caso, cada um deles será respondido, apenas peço que aguardem um pouquinho!!

Peço as orações de vocês! O ditado “ser mãe é padecer no paraíso” é realmente verdade. O amor só aumenta a cada dia, e como diz minha mãe: “amor de mãe dói“.

Fiquem com Deus!

Salve Maria Santíssima!!


Comentários ( 26 )

  • Melissa, fiquei feliz com a notícia do seu bebê. Que Nossa Senhora possa ser o alento nas dificuldades. Tenho duas meninas e sei como é difícil, e ao mesmo tempo como é prazeroso. Que Deus te abençoe e te de muitas graças.

  • Olá Melissa, fuço em blogs sempre! Embora eu não seja católica e cristã , gosto de ver o que posta sobre roupas. Não concordo com algumas coisas é claro, uso calças sempre que posso, mas sempre tons escuros e cintura alta. Acho que mulher que se preze não deve mostrar o corpo somente ao seu marido. Li também seu post sobre filhos, discordo do aborto, porém optei por não ter filhos pois minha vida não será compatível com eles e o meu noivo concorda totalmente com a ideia.
    Parabenizo-a pelo seu trabalho *-*
    Abraços

    • Olá, Clariça! Salve Maria!

      Uma mulher que realmente entende o seu valor e a sua alta dignidade – a possibilidade de gerar uma vida em seu ventre – guarda seu corpo de olhares alheios.

      Com relação ao aborto, uma vida inocente não pode ser condenada à morte pelo erro ou pecado de seus pais, ou de um dos pais. Ninguém tem o direito de tirar a vida de um inocente, ainda mais quando este inocente não pode se defender! É um pecado monstruoso, um ato grotesco, matar uma criança no ventre materno!! Não há motivo que justifique essa barbárie!

      Nada se compara à alegria de poder gerar uma vida e de dar à luz, por mais difícil que seja a maternidade e a vida do casal depois da vinda dos filhos. Filhos são o mais precioso tesouro que Deus pode conceder a um homem e a uma mulher que se unem pelo Sacramento do Matrimônio. Filhos são bênçãos de Deus!! Só compreende isto quem os tem.

      Obrigada!

    • Olá, Clariça!

      Ficou meio contraditório o que você escreveu, mas fico feliz que o blog de Melissa esteja se tornando conhecido.

      Não concordo quando você diz que “mulher que se preze não deve mostrar o corpo somente ao seu marido”. Então, sob o seu ponto de vista, as mulheres que optaram por proteger o seu corpo dos olhares maliciosos tão abundantes neste mundo e nesta sociedade não se prezam por agir assim? Veja que a motivação de quem faz isso se encontra em uma razão que ultrapassa qualquer regra de moda ou de sentimentos. Fazemos isso por uma causa maior, para honrar Aquele que nos criou e deu a vida por nós! Com isso, compreendemos que, com o exercício da modéstia, preservamos a castidade, tão agradável a Deus e tão desprezada pelo mundo atualmente.

      Enfim, espero que um dia você possa descobrir a grandeza da maternidade e abrir mão de todo esse egoísmo que só faz limitar a verdadeira felicidade.

    • Clariça,

      Filhos são dons e bênçãos de Deus. Tê-los fora do Matrimônio é algo que contraria as Leis de Deus, especialmente no que diz respeito ao 6º e 9º Mandamentos, além de ser uma injustiça cometida contra as próprias crianças, pois elas têm direito a ter um lar cristão, estruturado e sólido, com pai e mãe unidos para a vida toda sob as bênçãos de Deus, pelo Sacramento do Matrimônio, que é indissolúvel. O Papa Pio XI escreveu uma Encíclica sobre o Matrimônio Cristão excelente. Estou para publicá-la no blog. Seria interessante você lê-la e meditar sobre os pontos abordados, pois ela encerra a doutrina Católica sobre o Matrimônio.

      Rogo a Deus para que você abra seu coração às Verdades ensinadas por Cristo, cujas quais somente a Igreja Católica Apostólica Romana é a fiel guardiã.

      A Paz!

  • Amei seu blog e sua pagina no face, estou compartilhando bastante suas publicações, que Jesus e Maria SS abençoe imensamente vc, seu filho e toda a sua família, de fato conciliar todos estes deveres e estas delicias não é mto fácil. Mas pense q tudo tem seu tempo, hora de acelerar e hora de desacelerar em alguma coisa e acelerar em outras ,agora talvez seja o momento mais lindo de dar muito amor a este teu menino católico q vc recebeu como o mais lindo presente . Salve Maria Santíssima.

    • Olá, Lavis! Fico feliz que tenha gostado do meu blog! Obrigada pelos compartilhamentos :-) Amém!!

      Sim, de fato, é bastante difícil conciliar a vida de mãe com a vida de blogueira, por isso meu blog está parado. E realmente, meu filho é a coisa mais preciosa pra mim no momento!!! O blog pode esperar um pouquinho :-)

      Um grande abraço! Obrigada pelas palavras! Salve Maria Santíssima!!

  • Amei o blog, precisamos de mais mulheres com o desejo de servir a Nosso Senhor dentro da graça do matrimônio e maternidade.
    Parabéns pelo blog!

Deixe uma resposta