19 de Março – Da festa de São José, esposo da Santíssima Virgem e protetor da Igreja

Por São Pio X
199. Por que celebra a Igreja com particular solenidade a festa de São José?
A Igreja celebra com particular solenidade a festa de São José porque ele foi um dos maiores Santos, esposo da Virgem Maria, pai adotivo de Jesus Cristo, e foi declarado Patrono da Igreja.
200. Que quer dizer: São José foi pai adotivo de Jesus Cristo?
As palavras: São José foi pai adotivo de Jesus Cristo querem dizer que ele era comumente julgado pai de Jesus Cristo, porque desempenhou para com Ele as funções de pai.
201. Onde residia ordinariamente São José?
São José residia ordinariamente em Nazaré, pequena cidade da Galiléia.
202. Qual era a profissão de São José?
São José, embora fosse da linhagem real de Davi, era pobre estava reduzido a ganhar o sustento com o trabalho de suas mãos, no ofício de carpinteiro.
203. Que nos ensina a pobreza da família de Jesus Cristo?
A pobreza da família de Jesus Cristo ensina-nos a desapegar o coração das riquezas, e a sofrer de bom grado a pobreza, se Deus nos quer neste estado.
204. A que grau de glória acreditamos nós que Deus tenha elevado São José no Céu?
Nós acreditamos que Deus elevou São José a uma glória altíssima, porque foi eminente a sua dignidade e a sua santidade na terra.
205. Qual é a proteção de São José para os seus devotos?
A proteção de São José para os seus devotos é poderosíssima, porque não é crível que Jesus Cristo queira negar alguma graça a um Santo, a cuja autoridade quis estar sujeito na terra.
206. Que graça especial devemos esperar da intercessão de São José?
A graça especial que devemos esperar da intercessão de São José é a de uma boa morte, porque ele teve a felicidade de morrer entre os braços de Jesus e de Maria.
207. Que devemos fazer para merecer a proteção de São José?
Para merecer a proteção de São José, devemos invocá-lo com freqüência, e imitá-lo nas suas virtudes, sobretudo na sua humildade e perfeita resignação à vontade divina, que foi sempre a regra de suas ações.
—————
São Pio X. Terceiro Catecismo da Doutrina Cristã: Catecismo Maior de São Pio X. Edições Santo Tomás, 2005, p. 284-285.

Comentários ( 2 )

Deixe uma resposta